O Rio de Janeiro de Goeldi

O projeto tem por objetivo realizar uma exposição no Museu Nacional de Belas Artes (MNBA), reunindo as mais significativas obras de Goeldi (gravuras, desenhos e matrizes) que apresentam imagens urbanas do Rio de Janeiro. A proposta é apresentar
ao público as paisagens da cidade do artista, um dos mais proeminentes da nossa modernidade, cuja poética está intrinsecamente relacionada à experiência urbana do Rio de Janeiro.

O viés curatorial da exposição terá foco nas obras de Goeldi nas quais se apresentam imagens da cidade do Rio de Janeiro. As obras serão selecionadas em dois dos principais acervos institucionais da cidade, as reservas do Museu Nacional de Belas Artes e da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, que guardam importantes gravuras, desenhos e matrizes do artista.

Além de desenhos, xilogravuras e matrizes, serão expostos livros e catálogos publicados sobre a obra do artista. Embora tenha vivido de forma recolhida, Goeldi foi admirado por poetas e intelectuais do seu tempo. A exposição tratará também de mostrar os mais destacados textos e poemas escritos sobre sua obra por grandes autores da literatura brasileira, como Manuel Bandeira, Carlos Drummond de Andrade, Murilo Mendes e Ferreira Gullar.

A curadoria é de Maria Eduarda Marques, responsável pela elaboração da linha curatorial, pela identificação e a escolha das obras, e pela produção dos textos e legendas.

Como registro e patrimônio permanente do projeto, propõe-se um catálogo com com 128 páginas, impresso a 4 cores, com
texto inédito da curadoria e reprodução de uma seleção das obras expostas.

GOELDI-01-01